BLOG

Artigo Eduardo Seite

Eduardo Seiti é instrutor de design de balões e proprietário da ESBDE, em São Paulo.

O defeito do balão de látex é a nossa salvação

 

O balão de látex estoura com o sol, perde o brilho quando está quente e úmido, tem pó que deixa o cabelo duro, e é duro dar nó no seu bico. 
E se fosse diferente? Imaginemos um balão que não apodrece e fica intacto por anos a fio. A decoração é guardada, bastando alugar o balão quando necessário. Uma loja contrataria o decorador de balões e voltaria a contratar só no ano seguinte. O buffet de festa infantil manteria a mesma decoração, onde o decorador às vezes é chamado para tirar o pó, mantendo o brilho que é constante. A escola usa a mesma decoração da formatura por 10 anos.
Se não tem pó? O balão grudaria com o outro. Para fazer uma guirlanda o decorador precisaria o tempo todo desgrudar os balões para a guirlanda ficar reta. O animador de balão com 260 conseguiria fazer no máximo coisa reta, sem twist.
Se fosse fácil dar nó e se fosse fácil de encher o balão? Reduziria a necessidade de um decorador de balões, o valor do trabalho do decorador reduz.
Recentemente ao montar uma decoração, a pessoa responsável pelo espaço me perguntou se não tinha vergonha de trabalhar com balões, um material plástico que agride a natureza. Na verdade o balão de látex é biodegradável, ao estourar deve ser descartado no lixo orgânico, sua matéria prima é retirada da seiva da seringueira preservando as florestas em regiões tropicais. 

OS DEFEITOS VERDADEIROS NOS SALVAM, E OS FALSOS PODEM SER ESCLARECIDOS.

O balão de látex é um material vivo. Só existe vida porque existe a morte. Um vampiro é sempre triste porque é imortal. Se vamos morrer, cada instante é importante, cada momento não é para sempre, e enquanto está vivo o mundo interage como se fosse um milagre. Pena que a flor natural exala um perfume e às vezes o balão fede, mas a cor e a textura do látex traz alegria onde antes só tinha frieza. Encanta porque sabemos da sua fragilidade, que tem vida curta e não resiste a algo pontiagudo.
Semanas antes do Natal vendedores comercializavam balões de silicone com Led flutuando na parada do semáforo, não precisa de decorador para comprar esta peça que chamam de balão.
Balão de filme plástico transparente tem vida longa, é o balão vampiro. Ao contrário do balão de látex, se este for solto com gás hélio pode um dia cair no mar e ficar lá por anos. Na Califórnia, os balões com gás hélio quase foram banidos por lei por que balões de foil (metalizado), que conduzem eletricidade, causaram curtos na rede elétrica.
Enquanto existir balão de látex, haverá trabalho para o decorador.
Enquanto exigir habilidade para usar o balão, haverá trabalho para o decorador.
Enquanto o mundo sonhar e se encantar com os balões, haverá trabalho para o decorador.
Enquanto for dolorido dar nó no balão, haverá quem pague para a gente dar o nó.
Todos os defeitos do balão de látex são a nossa salvação.
Use balão e camisinha de látex. É mais seguro.

Clique aqui e veja mais fotos e leia a Revista completa!