BLOG

Coluna do Eduardo Seite

Eduardo Seiti é instrutor de design de balões e proprietário da ESBDE, em São Paulo.


Balão é ecologicamente correto?

Quando você estoura os balões de látex e joga no lixo, em qual lixo você deve dispensar? Plástico, metal, vidro, papel ou orgânico? A resposta é orgânico. Uma questão que alguns clientes perguntam é se o balão é um produto ecologicamente correto. A resposta é depende. Balões tipo Bubble, metalizados e de silicone não são biodegradáveis. Já o balão de Látex é 100% biodegradável. Este é feito com látex de seringueira e minerais do pigmento para dar a cor. O tempo de degradação é o mesmo da folha de orvalho, algo entre seis meses e quatro anos. Diferente da composição do pneu, que tem outros ingredientes que aumenta o tempo de degradação, o balão é ecologicamente sustentável (protege florestas com os seringueiros), e ecologicamente correto no sentido que traz alegria e trabalho sem agredir a natureza.
Nos Estados Unidos há uma grande preocupação com relação a alguns aspectos no uso do balão. Alguns grupos sugerem que o balão pode ser a próxima vítima tal como está ocorrendo com o canudo. Especialmente quando os balões são soltos com gás hélio. A preocupação é porque o balão pode atingir pontos distantes de onde foi lançado. Entretanto uma pesquisa realizada para saber o que acontece com o balão depois de solto no ar chegou à conclusão que o mesmo sobe e aumenta de tamanho por conta da baixa pressão do ambiente. Ao atingir 25 mil pés de altura, com uma temperatura muito abaixo de zero o nosso balão congela. À medida que continua a subir, a diferença de pressão faz com que o balão estoure em milhares de pequenos pedaços. Estes pedaços caem lentamente dentro de um raio de oito milhas de diâmetro do local que o balão foi lançado. Portanto a ideia de lançar balões de gás hélio com semente para germinar no interior não funciona.
Alguém disse uma vez que a tartaruga morria engolindo o balão que cai no mar porque o confunde com a alga. Então foi feita uma pesquisa e a autópsia de 100 mil animais marinhos mortos. Em nenhum caso foi constatada a morte por conta do balão.
Na Califórnia houve vários casos de acidentes na rede elétrica por conta dos balões metalizados. Por isso foi decretada uma lei regulamentando o uso especialmente dos balões metalizados.
Levando isso em conta, se você trabalha com balão de látex inflado com ar, pode trabalhar com os balões sem preocupação.
No Brasil o INMETRO certifica o balão como brinquedo e não como artigo de festa. Informações de segurança na embalagem são necessários para este fim. Porém muitos produtos clandestinos são comercializados sem a devida certificação. É muito recomendável que o profissional da decoração com balão não recorra a estes produtos sem certificação para não correr o risco de ser responsabilizado em caso de acidente com vítima.
Balão de látex é AGRO... AGRO é TECH.... AGRO é POP.... Tá na GLOBO (Balão em espanhol é GLOBO).

Clique aqui e veja mais fotos e leia a Revista completa!