BLOG

perfil

Há flores e balões em tudo o que eu vejo

André de Oliveira defende a união de elementos que fazem parte da memória afetiva de cada um de nós.

Com sólida formação artística, André de Oliveira desembarcou de volta no Brasil com um sonho: difundir a arte com balões combinada com originalidade a elementos como flores e papel. Na bagagem ele traz o know-how de quem estudou artes por uma década, trabalhou com floristas reconhecidos mundialmente, aprendeu a arte com balões na Europa, e atendeu clientes famosos na sua balloon boutique localizada na região central de Roma, na Itália.
Até o fechamento dessa edição ele ainda estava estudando propostas de trabalho. Ao que tudo indica, seu porto seguro será São Paulo. E, nós, aproveitamos para bater um papo com ele e descobrir um pouco mais do que André trouxe na mala.

ABeF - Você foi a passeio para a Itália em 2006 e resolveu ficar. Trabalhou em hotéis cinco estrelas, na primeira boutique de balões da Europa, a Melusina Festas, depois na Balloon Express, em Roma, até que em 2015 abriu sua própria balloon boutique Adoro Party. Por que resolveu largar tudo e voltar ao Brasil?
AO - Primeiro pela saudade de casa e depois porque senti necessidade de renovar as ideias, de recarregar minha vida com coisas novas, e o Brasil se transformou numa referência mundial de decoração de festas não só infantis, mas eventos também. 

ABeF - Você está estudando propostas para se estabelecer aqui. E enquanto isso, o que mais tem feito? 
AO - Tenho ajudado os amigos com as decorações e também tenho dado consultorias para algumas empresas. Estou conhecendo muito o mercado brasileiro e me apaixonando por tantas realidades diferentes!... Mas já tive oportunidade de me expressar através das flores com balões - a convite da empresa Floral Atlanta e da Cromus Balloons num evento em Holambra (SP).

ABeF - Balões e flores sempre combinaram?
AO - Balões de flores sempre combinaram. Eu acredito que sim. Essa combinação sempre foi muito bonita, mas muitas vezes, a grande concorrência do mercado de flores e balões atrapalhou. Agora os mercados estão se aproximando e, com essa aproximação que eu já vi na Europa e na Austrália, eu vejo que realmente é algo que chegou para ficar porque a modernidade do balão quebra um pouco a tradição da decoração floral.

ABeF - E balões com papéis em 3D, vieram para ficar ou é moda passageira?
AO - Papelaria 3D é um design muito bonito e limpo tem a tendência de realmente ficar. Não é um modismo, é uma tendência. Tendências são firmadas pela aceitação do público, pela admiração do público. É uma forma artística e toda forma de arte é bem-vinda para o mercado de balloon designer.

ABeF - Que tipo de festas mais se faz hoje?
AO - São aquelas que têm uma identificação com o cliente. Está muito moda os tons pastéis. Aas cores Pantone estão influenciando muito as decorações. Sejam minimalistas ou tradicionais exageradas como as que são feitas no Brasil, as decorações têm o design como base. Com a internet e as redes sociais, o design se torna um elo entre muitos países. Ou seja, eu posso ter uma festa com design muito refinado na Rússia, no Brasil ou na Índia.

ABeF  - Há diferenças entre as festas brasileiras e as feitas na Itália?
AO - A diferença entre as festas brasileiras e as italianas é extremamente explícita. O investimento das festas brasileiras já começa no convite, e as festas italianas ostentam menos. Na Itália é bem mais simples, as festas são feitas com pequenos toques de flores ou até mesmo de alguma escultura complexa de balões. Por outro lado, o hábito de presentear com buquê de balões é muito intenso. As balloon boutique da Itália realmente tem causado uma verdadeira transformação no mercado.

ABeF  - Que dicas você dá para quem vai fazer sua primeira festa?
AO -  Trabalhe com cores, números, idade, uma flor ou algo que tem a ver com a história do festejado. Isso é muito importante porque a gente vai estar fazendo parte da vida de quem pediu para projetar a festa e isso não tem preço. A gente marca a memória e a história da pessoa criando esse momento inesquecível. 

ABeF  - Como evitar os erros mais comuns das decorações?
AO - Não carregue demais com balões, cuidado com as proporções, use cores harmoniosas, infle corretamente os balões e cuide para que não oxidem. Se a ideia é surpreender! Então faça uma pesquisa de relação ao tema da festa. Busque algo inovador: de repente cores pastéis para o tema Safari... Eu fiz uma Branca de Neve em tons de rosa, mas com a essência da história da Branca de Neve.  Os clientes podem assustar no começo, mas se você tiver bagagem para poder explicar o projeto, que é a ‘receita de sucesso’. Nenhum dos meus clientes – vips ou não - recusou o trabalho depois de entender o projeto. 

 

Clique aqui e veja mais fotos e leia a Revista completa!